sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Hoje


E para marcar e relembrar este dia: 17 semanas.
E nestas 17 semanas, não me sinto melhor, não me sinto mais sossegada, sinto-me muito pequenina, muito impotente, com um medo irracional, quando penso no pinguim sinto o meu coração apertadinho e com uma vontade enorme de vê-lo e ficar tranquila mais uns dias.
Como já referi no início da gravidez, a minha vontade é tê-lo cá fora nos meus braços perfeitinho e de saúde. Sei que mesmo assim, temos medo: das doenças, do mal, ... é para a vida, eu sei!
Deve ser daqueles momentos de grávida, onde tudo nos parece triste e feio! Isto passa, amanhã será um melhor dia com certeza!

4 Comments:

Su said...

Como eu te percebo!!! Só peço que seja bem saudável e que nós tenhamos a capacidade de o fazer feliz!
Joquitas solidárias!

Dora Sofia said...

Pois, linda, mas pensa assim: na tua barriguinha não tem fome, não tem frio, não tem sede, não chora sem saberes porquê, ninguém lhe pode morder, bater, ou fazer mal. É, verdadeiramente, a melhor forma de crescer até poder enfrentar o mundo... Beijoca

Mikas said...

Mas que raio se passa aqui que só agora é que vi esta mensagem??? Sempre foste tão positiva:S ai ai devem ser as hormonas da gravidez...bjs tola linda:) miss you:)

Vanessa Kirnicki said...

Olha minha querida, agora que ja passei por tudo isso que passate e sei bem como te estas a sentir, so te dou um conselho, aproveita a gravidez, descansa imenso, nao andes ansiosa e tenta ter sempre a cabeca no lugar. Quando o teu bebe nascer vais ver que vais precisar estar bem principalmente psicologicamente. Eu andava ansiosa para ter o Jason ca fora, so queria ve-lo para ter a certeza que estava bem, andei ansiosa nao descansava tinha sempre a cabeca a 200 a hora. A verdade e que o primeiro mes depois do Jason nascer, foi o pior mes da minha vida. Todos me diziam vai ser dificil, aproveita para descansar agora e eu nem queria saber, so o queria ca fora, diziam me sempre para me mentalizar que nao vai ser facil, mas nao para mim tudo ia ser rosas...
A minha medica sempre me disse, nao penses em coisas negativas nem andes a chorar pelos cantos porque isso vai ser meio caminho andado para uma depressao pos parto...
Dito e feito, nem amamentar eu consegui por causa da depressao!
Enfim mete nessa cabecinha que vem dai um bebe lindo, saudavel e cheio de vida e que vai ter dar muitas dores de cabeca mas tambem muitas alegrias!!
Beijinhooos e toca a pensar positivo