quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Criopreservação


Banco privado vs Banco público

Eis a questão
Digam da vossa justiça

PS:
Dúvidas não há - sabemos exactamente como funcionam os dois serviços
Decisão já está quase tomada
Só queria saber a vossa opinião

3 Comments:

Mafalda, a Loira said...

Eu fiz a doação para o publico. E nem sequer percebo a tua duvida na escolha...

Madame Pirulitos said...

Oi. Sinceramente não sei. Nunca o fiz. Estive quase quase quando foi do manel. provavelmente ter-me-ia decidido de soubesse, ou se já houvesse nessa altura, banco público.

Neste momento privado está quase completamente fora de questão. Na altura informei-me e as opiniões eram muito variadas, mas muito no sentido de não haver garantias. E continua a não haver. O que há muito mais é uma grande publicidade em torno disso.

Madame Pirulitos said...

Mas olha, eu acho que percebo a tua dúvida. O banco público é neste momento o mais político e socialmente correcto, pelo que leio nos blogs. Aliás, o que parece completamente incorrecto, ou é veiculado enquanto tal, é não fazer em nenhum.
Eu não domino este tema mas parece-me que a questão é a seguinte: se puseres no público, deixa de ser teu. Pode ser utilizado por alguém que necessite, o que me parece louvável, mas não estará mais disponível para ti.